Quem não tem coração e atitude de ovelha, não serve para ser pastor. A autoridade provém da submissão e o governo é legitimado pelo serviço.

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Somos Vasos de Honra!

TEXTO: 2o Co 4.7 - Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós.

A unção sem limites deve nos levar a sermos apaixonados pela palavra de Deus. A unção sem limites não vai me impedir de conhecer aquilo que Deus fez, pelo contrário ela me trará sede e fome de Deus.

Jr 18.1-6 - Palavra do SENHOR que veio a Jeremias, dizendo: Dispõe-te, e desce à casa do oleiro, e lá ouvirás as minhas palavras. Desci à casa do oleiro, e eis que ele estava entregue à sua obra sobre as rodas. Como o vaso que o oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão, tornou a fazer dele outro vaso, segundo bem lhe pareceu. Então, veio a mim a palavra do SENHOR: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? - diz o SENHOR; eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel.

SOMOS VASOS DE BARRO
O barro pode ser moldado. Para que a excelência do poder seja de Deus.


Deus nos gerou para multiplicar. Ele nos abençoou com uma unção para a multiplicação e fecundação.

Gn 1.26-28 - Também disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; tenha ele domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os répteis que rastejam pela terra. Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou e lhes disse: Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus e sobre todo animal que rasteja pela terra.

Deus procura restaurar os vasos rachados.
Ele usa as Suas mãos para nos moldar, a mão que trabalha na parte interna do vaso é a do Espírito Santo. Essa parte interna é o nosso caráter, personalidade, vida interior, convencimento do pecado, da justiça e do juízo. A mão de fora são as circunstâncias. Muitas vezes rejeitamos as circunstâncias difíceis (pessoas difíceis, complicadas...). A mão de Deus está nessas situações. Seu desejo é usar dessas circunstâncias para nos moldar.

Não é o vaso que determina sua forma, e sim o oleiro é quem determina qual o tamanho, largura, tamanho, profundidade do vaso. Deus trabalha em nós para sermos um vaso restaurado, saudável, de honra em suas mãos de graça.

O vaso não é maior do que o oleiro.
Quando o vaso deseja ser maior do que o oleiro, eles entram no caminho da Síndrome de Lucidez. Quando o ser humano caminha para o orgulho, avareza, altivez, se torna vaso de desonra, assim como os demônios, desfigurados da imagem do Senhor.

O vaso manifesta os princípios da Palavra.
Deus quer encher cada vaso com suas promessas, riquezas e também os seus mandamentos. Um dos erros do cristianismo pós-moderno é que muitos cristãos buscam mais as promessas do que os mandamentos. Precisamos de homens e mulheres cheios dessa presença Sem Limites de Deus. O caráter e a honestidade fazem parte desses princípios de Deus. Quando nós tivermos esses vasos de honra teremos um impacto de Deus jamais visto em nossa nação. Os discípulos deixam-se ser moldados pela palavra de Deus. Deixa Deus completar a obra em sua vida. Ele quer encher a sua com graça de Deus.

Deus quer encontrar Água, óleo, perfume, vinho e tesouros em seus vasos.

O salmista disse guardo a tua palavra no meu coração para não pecar contra ti (119.11). Deus quer encontrar nesse vaso libertação amor, comunhão, intimidade, sementes divinas, a Sua Glória...


Água, óleo, perfume, vinho e tesouros são as coisas que Deus quer encontrar dentro dos seus vasos. O profeta Jeremias escreveu, no capítulo 2, verso 13: Porque dois males cometeu o meu povo: a mim me deixaram, o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas, cisternas rotas, que não retêm as águas. Deus não desiste dos vasos rachados, sendo assim, Ele não desiste de você!


Quando estamos ligados ao Senhor reecontramos nosso significado

II Co 1.21.22 -
- Fomos ungidos para espalhar a Santidade BíbliMas aquele que nos confirma convosco em Cristo e nos ungiu é Deus, que também nos selou e nos deu o penhor do Espírito em nosso coração.ca na face da Terra.

Fomos chamados para termos a marca da santidade em nosso coração.  
I Pe 1.15-19 - pelo contrário, segundo é santo aquele que vos chamou, tornai-vos santos também vós mesmos em todo o vosso procedimento, porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo. Ora, se invocais como Pai aquele que, sem acepção de pessoas, julga segundo as obras de cada um, portai-vos com temor durante o tempo da vossa peregrinação, sabendo que não foi mediante coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados do vosso fútil procedimento que vossos pais vos legaram, mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo.

- Fomos ungidos para levar o evangelho por toda a terra.

Is 61.1-3 – O Espírito do SENHOR Deus está sobre mim, porque o SENHOR me ungiu para pregar boas-novas aos quebrantados, enviou-me a curar os quebrantados de coração, a proclamar libertação aos cativos e a pôr em liberdade os algemados; 2a apregoar o ano aceitável do SENHOR e o dia da vingança do nosso Deus; a consolar todos os que choram 3e a pôr sobre os que em Sião estão de luto uma coroa em vez de cinzas, óleo de alegria, em vez de pranto, veste de louvor, em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem carvalhos de justiça, plantados pelo SENHOR para a sua glória.

- Fomos ungidos para combater a injustiça. Quando a Igreja se cala diante das injustiças sociais. Muitos se vendem em troca de um “monte de tijolos”, depois eles nos roubam por não combatermos, cobrarmos, etc.

- Fomos chamados para servir, reforçar a nação, discernir a realidade subversiva e pecaminosa do outro.

- Fomos ungidos para sermos usados poderosamente.

Você precisa entender isto: somos vasos de barro na presença do Senhor e cabe a Ele nos moldar, nos transformar...

Um grande abraço meu querido discípulo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário