Quem não tem coração e atitude de ovelha, não serve para ser pastor. A autoridade provém da submissão e o governo é legitimado pelo serviço.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Apontamento sobre a mensagem: Missão e Unidade

A Igreja não pode se equivocar, e andar sem dar os passos do Criador. A missão da Igreja foi traçada claramente pelo evangelist Mt 28.19-20 - Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém.

O processo de fazer discípulos não é um curso de três meses, e sim de transferência de vidas. A vida se transfere em todo o tempo. Não é transferida apenas numa classe, pode ajudar, mas fazer discípulo é transferido no diário, é um assunto sensível onde comunica e forma outros.


Missão e Unidade
A missão somente ocorre fluentemente quando há unidade. A missão de Jesus, emanada da missão de Deus somente flui e transfere quando a unidade do corpo de Cristo. Essa unidade nos dá a possibilidade de comunicar e conectar o espírito de Deus. Jo 17.21 - Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.

A missão ocorre com uma visão apenas. Visão + Visão = Divisão.
(v.23) Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim.

Quando o mundo ouvirá a igreja? Quando formos apenas um. A unidade não é apenas um argumento, não é apenas uma teoria, e sim é uma realidade palpável. Precisamos tratar e saborear a unidade. Não somos perfeitos na aparência: gordinhos, magrinhos, altos, baixos... Contudo precisamos ser perfeitos na unidade do Espírito de Deus. Talvez você não seja perfeito em nada mais, tenha perdido o sentido de unidade, entretanto se você não entender sem unidade não adianta fazer planejamentos, projetos e ações. Estaremos cansados mais não teremos a glória a Deus.

O tempo da unidade não está ultrapassado.  É atual. O Espírito Santo foi derramado (At 2.1) quando a igreja estava uma - E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar.

A unidade foi ingrediente indispensável para o Espírito Santo fluir na Igreja. Quando o Espírito Santo encontra unidade ele: E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem. (vv. 2-4). Entretanto quando não ocorre unidade o Espírito Santo se entristece. Ele não pode agir.

Aspectos de nos auxiliem na unidade da Igreja
1)      Jesus roga pela unidade (vv.20-21)
E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela sua palavra hão de crer em mim; Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste (Jo 17. 20-21).

2)      A glória de Deus foi a dada a Jesus e hoje é dada a cada um de nós (v.22).
Quando Deus traçou a missão antes do mundo (vv. 4-5) , quando ainda Jesus estava com ele, a glória da unidade estavam com eles. É essa glória Jesus quer compartilhar contigo. E não somente a vocês e sim à todos os povos.

3)      A Santidade nos ajuda a ser um (vv. 17, 23)
Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade (v.17). Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim (v.23).

Observação: Aquele que não procura a unidade da igreja promove a incredulidade no mundo.

Ef 5 e 6, até o verso 9 – fala sobre o corpo. O corpo de Cristo não é hierarquia, e sim funções. Estamos numa igreja que devemos aprender a sermos submissos, não pelas funções, e sim pelo serviço.

I Pe 5.1-5
Aos presbíteros, que estão entre vós, admoesto eu, que sou também presbítero com eles, e testemunha das aflições de Cristo, e participante da glória que se há de revelar: Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto; Nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho. E, quando aparecer o Sumo Pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória. Semelhantemente vós jovens, sede sujeitos aos anciãos; e sede todos sujeitos uns aos outros, e revesti-vos de humildade, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes.

Submissão e unidade vivem juntos. Não existe unidade sem submissão. Quer que o reino cresça? Então se submeta a Deus, a seus líderes para que o mundo creia.
Diga: eu não creio impedir a conversão do mundo. Você se lembra que já falamos que aquele que não procura a unidade da igreja promove a incredulidade no mundo?
Queira promover a missão em unidade. Que Deus nos abençoe.

Música: Pai faz-nos um
Autor: Sérgio Pimenta

Pai faz-nos um
Pai faz-nos um
Pra que o mundo saiba que enviaste Jesus 
Pai faz-nos um


Um comentário: