Quem não tem coração e atitude de ovelha, não serve para ser pastor. A autoridade provém da submissão e o governo é legitimado pelo serviço.

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Lições de honra no Pastoreio

10 presentes mais importantes que um/a pastor/a merece e espera receber de cada um de nós.

Recebi do meu amigo pr. Tarcísio e compartilho com vocês...

1. Suas orações
Este é o maior presente que você pode dar para o seu pastor. Se você não o ama como você deveria, comece a orar por ele que você vai amá-lo. Mas, é claro, se você já o ama, então você naturalmente vai querer orar por ele. Isso é combustível para ele continuar o ministério!

2. Seu amor
Um pastor que realmente cuida do rebanho precisa do amor das pessoas. Por isso, logo depois da oração, a segunda grande coisa que você pode dar para o seu pastor é o seu amor por ele. Aliás, se você o ama, deixe-o saber disso. As vezes as pessoas pensam que pastores sabem ler mentes, mas eles não têm esse poder. Sim, as vezes nasce nos pastores um sentido de que ninguém da igreja os ama. Você precisa dizer que o ama para ele saber disso.

3. Seu apoio incondicional
De acordo com uma pesquisa norte-americana, a profissão mais estressante é ser presidente dos Estados Unidos. E a segunda mais estressante é ser pastor de uma igreja local. Tem uma frase que diz “O pastor não é sempre perfeito… mas é sempre o pastor”.

4. Sua paciência
As pessoas na igreja as vezes se machucam. Se machucam porque alguém fez algo. Se machucam porque alguém disse algo. Se machucam porque alguém não fez algo ou não disse algo. Às vezes esse alguém é o pastor. Mas na próxima vez que você ficar chateado com o pastor, espere um minuto, respire fundo e lembre-se que ele provavelmente também é humano. E então, talvez, assim como você, ele tenha dias bons e dias ruins como todo mundo. Você nunca sabe que tipo de problema ele pode estar enfrentando. Pode ser alguma preocupação na igreja ou em casa. Dê um pouco de paciência para seu pastor e seja compreensivo quando ele estiver passando por um momento difícil. Você vai querer que ele faça o mesmo por você.

5. Sua palavra de incentivo
Todo mundo gosta de ouvir um elogio ou saber quando foi benção na vida de alguém. Talvez a pregação tenha falando de modo especial com você. Talvez ele tenha te ligado ou feito uma visita e aquilo mudou seu dia. Ou simplesmente talvez você tenha gostado da gravata que ele usou. A maioria dos pastores ouvem muito sobre coisas que eles fizeram de errado. Pare um momento e aprecie as coisas que ele fez certo!

6. Sua palavra de admiração
Se o pastor tem o dom de pregar a Bíblia, de ser um líder, de se preocupar com as pessoas ou seja lá o que for, diga para os outros. Convide outros para ir na igreja e ouvir o seu pastor. Se espelhe nele. Faça com que o mundo inteiro saiba o quão excelente é o seu pastor. Isso vai deixá-lo realmente feliz e fortalecido.

7. Sua fidelidade
Há uma história de um pastor que trabalhava na mesma igreja a mais de 20 anos e certa vez disse que mais do que um prédio maior ou muito dinheiro, o que ele mais queria é ver seu rebanho firme e fiel na igreja. Famílias engajadas e comprometidas com Deus e a igreja é uma das maiores alegrias que um pastor pode sentir no mundo. Não apenas diga, mostre ao pastor o seu comprometimento com sua igreja.

8. Sua liberdade para ele ter um tempo com a família
Um pastor nunca vai cuidar bem de você se ele não cuida da própria família. Se você precisa de algo e não é uma emergência, diga a ele que não tem pressa. Nenhum pastor vai negar fazer uma visita ou uma ligação pra você se você estiver precisando, mas tenha certeza que você realmente está precisando antes de simplesmente ligar para o celular dele tarde da noite ou em um sábado enquanto ele está com a família. Outra boa ideia é incentivar que ele faça pelo menos uma viagem particular em família. Vivemos em tempos em que alguns “fiéis” faltam pelo menos um domingo a cada mês para aproveitar algum passeio com a família. Não é pedir demais que o pastor e a família dele tenham pelo menos uma semana para viajar no ano.

9. Sua permissão para ele descansar
A responsabilidade de ser um pastor nos dias de hoje tem sido consideravelmente maior do que há 25 ou 30 anos atrás. A pressão de cumprir todas as tarefas e viver acima das expectativas dos membros pode chegar ao ponto de ser mais do que um pastor pode aguentar. Isso explica porque tantas líderes por aí estão se desviando ou desistindo do ministério. Então, deixe seu pastor ter uma folga para ele se aperfeiçoar. Deixe ele ir para uma boa conferência onde ele possa descansar e crescer. Envie-o para pescar, jogar boliche ou outra coisa que ele goste. Deixe-o livre para recarregar as baterias e assim voltar energizado para o trabalho na igreja.

10. Sua ajuda financeira
Existe um motivo para este presente estar em último na lista – é porque ele realmente é o último. Para um bom pastor, uma oferta gorda é o menos importante na listagem de coisas que ele gostaria de receber da sua igreja. Um bom pastor não se torna pastor pensando em ser rico ou em ter muito dinheiro. Ele decide ser pastor porque esse foi o chamado de Deus pra vida dele. Então, considere ajudá-lo financeiramente quando possível. Dessa forma você vai mostrar sua apreciação por todas as horas de dedicação e amor que ele tem pela igreja.

Esse texto foi escrito pelo pastor Brad Whitt, da Igreja Templo Batista de Simpsonville, Carolina do Sul, EUA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário